dias de preguiça

Tem dias que a preguiça bate forte mesmo. E com ela vem a culpa. Uma voz interior dizendo que eu estou procrastinando, deixando de lado as coisas importantes, não realizando as tarefas que preciso, deixando de fazer o que é importante e etc. E hoje foi um desses dias. Cada segundo foi regado a pouca vontade de sair do lugar e muita culpa por não estar me dedicando tanto quanto devo ao BEDA e ao VEDA. E muito menos às atividades do dia a dia que exigem um mínimo de comprometimento.

Como lidar com isso? Como lidar com a preguiça? Com a falta de inspiração? Com a culpa? Eu não tenho respostas, e talvez eu demore muito para descobri-las. Tudo o que eu sei é que esses dias acontecem. E muitas vezes mais do que posso suportar. Então, hoje o post é um desabafo. Além da falta de tempo e de todas as coisas que eu já falei em outro momento, a preguiça também pode ser um “dificultador” (nem sei se essa palavra existe) para a realização do BEDA + VEDA. Mas eu não vou desistir! Ah, isso não.

3 comentários Comentário via blog

  1. Olá Dani, tudo bem? Espero que sim, isso é muito acontecer com nós meros mortais.
    O mais importante não é o dia em que a preguiça bate, mas sim como se reage diante desses dias, o melhor a fazer é fazer todas as tarefas agendadas naquele dia kkkk , parece meio maluco mas é a pura verdade, as vezes temos que deixar de focar no que estamos sentindo e focar no que é mais importante, no seu caso seu BEDA, então deixo essa dica espero ter ajudado, abraços e sucesso sempre.

    Responder
  2. Olá Dani, tudo bem?
    Esses dias sempre acontecem, mas o importante é não ficar ansiosa ou triste demais nesses momentos. como dizem, tudo passa, até esses momentos de preguiça. Força no seu BEDA, que vai dar tudo certo.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge