Comentários despretensiosos sobre Missão: Impossível

Fui ver no cinema alguns meses atrás. Daí escrevi esse texto e esqueci de postar. Então segue esse pequeníssimo texto despretensioso sobre a diversão que foi assistir Missão: Impossível – Protocolo Fantasma (2011; Dir.: Brad Bird).

Fazia muito tempo que eu não via um filme tão divertido e com cenas de ação realmente eletrizantes. Na verdade relutei bastante em ir no cinema ver o filme porque não vi nenhum dos anteriores de forma decente (leia-se, vi na televisão, dublado e com cortes e nem lembro direito). Fiquei realmente impressionada com o quanto me diverti vendo esse filme.

A escolha do elenco foi impecável e lógico que fiquei realmente contente em ver o Sawyer (Josh Holloway) na sua pequena, porém relevante participação. Outra participação que me deixou muito contente foi a de Simon Pegg, nossa como eu adoro esse cara! E claro que eu não poderia deixar de citar o vilão mega estereotipado do filme que mesmo sendo quase uma caricatura de vilão foi muito bem trabalhado pelo super Michael Nyqvist (eterno Blomkvist nos filmes suecos e da minisérie baseados na Trilogia Millennium).

E as cenas de ação, ah quanta adrenalina. E um salve especial para as cenas em Dubai, nossa aquilo sim me deixou com a adrenalina a mil. É um filme com diversão garantida, de verdade. Pega a pipoca e vai assistir, é época de férias.

MIssão: Impossível - Protocolo Fantasma

Zumbis no episódio do Super Bowl de Glee

Não, não foi nenhuma invasão zumbi na série. O episódio prestou uma homenagem ao astro Michael Jackson apresentando uma performance de Thriller em um mashup com Heads Will Roll, do Yeah Yeah Yeahs.

A versão do clássico oitentista foi ao ar no episódio especial do Super Bowl e trouxe os memmbros do New Directions e do time de futebol caracterizados como zumbis recriando o clipe de Thriller em meio a um jogo de futebol americano.

E a caracterização como zumbis foi a melhor coisa do episódio. A performance foi bacana, mas não me agradou tanto quanto eu esperava. Assim como o episódio. Kurt fez muita falta, pois ele e Sue são os melhores personagens da série (e os melhores atores também) e o moço apareceu muito pouco – quase nada – e não cantou uma musiquinha (o backing vocal não conta).

Mesmo que o episódio tenha focado bastante a insanidade de Sue, a coisa foi morna do início ao fim e nem os números musicais salvaram (Kate Perry e The Zombies também marcaram presença). Além disso, ver Quinn e Finn balançados um pelo outro de novo não convenceu.

Espero que nos próximos episódios a trama melhore, e muito. Até lá, aguardo com ansiedade o retorno dos belos números musicais.

VI Fantaspoa

VI FANTASPOAJulho é mês de Fantaspoa! De 2 a 18 de julho, ocorrerá a sexta edição do festival, serão exibidos 64 curtas e 74 longas-metragens, totalizando 138 obras na programação. Os filmes exibidos são do gênero fantástico (fantasia, ficção-científica, horror e thriller) e o grande objetivo é agradar não somente fãs desses gêneros específicos, mas apreciadores de cinema em geral.

O site do festival já está no ar com a programação completa, as atividades paralelas e as sessões comentadas. O valor dos ingressos será de R$ 5,00 (cinco reais) para todas as sessões de longas-metragens e R$ 2,00 (dois reais) para as sessões de curtas-metragens.Super em conta.

A sessão de abertura do VI Fantaspoa será realizada às 19 horas no Cine Bancários, no dia 2 de julho, com exibição do filme “É Preciso Amar a Morte”, com a presença do diretor alemão Andreas Schaap.

O Fantaspoa é uma oportunidade única para ver filmes que simplesmente nunca entrariam no roteiro dos cinemas da cidade além de poder ter contato com convidados estrangeiros que realizarão debates com o público. Eu já estou escolhendo algumas sessões para garantir meu lugar.

O Fantaspoa também está no Twitter, Facebook, Orkut e My Space.

Obituário: Michael Jackson

Eu nunca pensei que esse dia pudesse chegar. Ainda não consigo acreditar. Mas é verdade, Michael Jackson morreu hoje no hospital de Los Angeles após uma parada cardíaca. Fiquei sabendo da notícia quando minha mãe me ligou meia hora antes que eu chegasse em casa. Fiquei pasma, sem palavras.

O Rei do Pop se foi, passou dessa para uma melhor (ou não). De herança ficaram sua obra musical sem precedentes e que dificilmente será superada. E por falar nisso, quem será seu sucessor? Eu não arrisco palpite. Para mim ,alguém que possa chegar aos pés de Michael ainda não existe. Read More