Suporte para Cupcakes

Que os Cupcakes viraram febre isso já não é nenhuma novidade. E eu também sou fã dos bolinhos que cabem na palma da mão e de apelo estético belíssimo. Já tentei fazer – uma tentativa um tanto quanto frustrada, devo dizer – mas apenas uma vez. Ainda farei mais vezes. Vivo pipocando pela rede a procura de receitas. E de fotos deles assim, prontinho, porque eles são deliciosos de comer e de ver.

E numa dessas aventuras para os olhos me deparei com o trabalho de Whitney Smith. Um trabalho muito bacana, suportes para os bolinhos fofos tinha de ser também fofo. E é mesmo. De cores e formas vintage o trabalho me conquistou. Um ótimo presente e serve para qualquer ocasião. Os Cupcakes por si só já fazem uma diferença até na decoração, mas esses suportes não são lindos?

isso faz a gente se perder, às vezes, no que é real e no que é fantasia

Tenho uma pilha de livros na escrivaninha. Uma pilha de livros para ler: livros para resenhar, livros para a monografia, livros para indicar, livros para passar o tempo. Entre tantos tí­tulos (de Tolkien à Erico Veríssimo, de André Prous à Foucault, de LeGoff a Noam Chomsky), no meio de uma pilha qualitativa, escolhi comprar mais alguns para deleite meu e indignação de outros.

Sim, eu passo na Feira do Livro quase todos os dias. O que posso fazer, eu trabalho ali do ladinho… Além disso, encontrei o número 1 da tão falada revista piauí­! Se comprei? Sem pensar duas vezes. A número dois já estava na banca, mas resolvi comprar a primeira, sabe como é: mania de colecionar tudo, começar sempre do primeiro (I’m crazy, yes!).

Fim de semana trancada em casa pra dar conta dos estudos mais que atrasados, afinal de contas não posso me dar ao luxo de ler só por diversção, apesar de que a obrigação universitária me diverte por demais! 🙂 Sem mais, até logo e atenção: percepção requer envolvimento.