dani manda um beijo também!

Mais uma da série CDs que baixei da internet: Banda fofinha, versão brasileira do Belle & capa do álbum...Sebastian, indie pop… Quem já conhece esse sexteto carioca com certeza já viu algum aposto desses relacionado ao Luisa Mandou Um Beijo. Mas é melhor deixar as definições rasas de lado ao ouvir o primeiro e homônimo álbum, lançado em conjunto pelos selos independentes Volume One e midsummer madness. O que a banda faz é pop, carregado de tintas melôdicas e nuances brasileiras – pop eficiente, daqueles que conquistam logo à primeira audição. Um achado.

Valsa para Almodóvar nº 3
Luisa Mandou um Beijo

Você não fala inglês menina
e canta como quer
Eu digo um, dois, três
Um, dois, três
Um, dois, três
Espero te ver no bar…

Te pego a plantar bananeiras em pé
e bocejar santos no ar
adoro te ver dançando valsa
e ouvindo, ouvindo, ouvindo Almodóvar!

Um pra cá e dois pra lá
Três amores vãos
quatrocentos mil Josés
fazem multidão

Você não fala eslavo
Tampouco canta em chinês
Je dis un, deux, troix
Un, deux, troix
Un, deux, troix
I hope to meet you at the bar

Te pego a plantar bananeiras no Corcovado!

A higienização social já começou, “revitalização de porto alegre”

Hoje (23/03) pela manhã as famí­lias do movimento nacional de luta pela moradia – MNLM foram desalojadas do prédio que pertence ao PCC e abandonado desde a prisão dos membros da quadrilha. Cerca de 20 famí­lias formavam a ocupação 20 de novembro no centro de Porto Alegre. O processo se deu com +/- 600 policias cercando o prédio juntamente com atiradores de elite ao redor da ocupação, um número bastante desproporcional de policias por pessoa no prédio. Um verdadeiro abuso de autoridade e uma operação tática ridícula.

Após a retirada os militantes se deslocaram para frente da prefeitura com objetivo de pressionar o prefeito Fogaça exigindo dele abrigo para estas famílias, para que elas não fiquem desabrigadas. Fiquei por lá até mais ou menos 2 da tarde apoiando a luta do pessoal, o prefeito daria uma resposta às fami­lias no meio da tarde, mas não pude aguardar com eles, pois tinha de apresentar o projeto de análise do sí­tio RS-C-12 (Virador) para a minha orientadora, Adriana.

A vida de um um único ser humano vale mil vezes mais que todas propriedades do mundo
Ernesto CheGuevara