Archive

cinema

Posts on cinema.

Links Love #10

1. E hoje, com a volta de Doctor Who, é bom rever os melhores e mais fofos momentos de Rory Williams na série, nesse vídeo ótimo postado no io9. Graças ao Ju, que me indicou a postagem, eu revi essas cenas lindas que me deixaram com lágrimas nos olhos. Mas faltou a parte da cena do casamento da finale da 5ª temporada – The Big Bang – em que ele fala “I was plastic!” ao recuperar a memória de tudo o que viveu com Amy e o Doutor.

2. O Marcelo do Prós e Contras publicou um texto ótimo chamado A França pelas lentes do cinema estrangeiro que faz parte de uma série de textos para Festival CeC de Cinema Francês do fórum Cinema em Cena.

3. Meu amigo Chico, grande historiador, escreveu no seu blog um excelente texto sobre a absurda homenagem ao general rio-grandino Golbery do Couto e Silva (1911-1987).

4. E para quem viu Lost, uma lista bacana com as obras literárias referenciadas na série (via Mi Müller).

5. Receitinhas de Hot Chocolate & Cinnamon Cookies. DIY now! Lá no blog A Series of Serendipity.

Posted by

Links Love #3

Cinemas abandonados

1. Eu adoro a série Fringe, uma das poucas séries atuais que dedico meu escasso tempo. E essa semana li Fringe e a Psicologia Analítica da Camila Picheth lá no Ligado em Série. Um ótimo texto para quem gosta da série e adora ir além da diversão.

2. No Box de Séries tem as 5 Piores ressacas das Séries de TV. Uma lista muito bacana.

3. A maquiadora Lisa Eldridge está contando um pouco da história da maquiagem em seu canal no Youtube e no seu site também.

4. No blog Garotas Nerds as gurias apresentam as ilustrações do dinamarquês Mads Peitersen, mostrando com criatividade a anatomia de alguns aparelhos usados por nós, nerds.

5. No Olha Só, de Ricardo Calil, tem um post sobre fotografias de 75 cinemas de rua abandonados nos Estados Unidos.

Posted by

Ideia sustentável para um mundo melhor

Lendo os feeds nesta tarde me deparei com uma pequena matéria que saiu na Folha de São Paulo, compartilhada pelo Tiago sobre o uso de bicicletas ergométricas para gerar energia em um cinema da Lituânia. Achei a ideia genial, ainda mais por já ter pensado coisas parecidas em vários momentos. Toda vez que eu pedalava uma ergométrica na academia eu pensava:

toda essa energia que estou criando deveria servir para alguma coisa, ao invés de apenas colaborar pera o egoísta intuito de perder calorias.

Vida saudável e sutentável

Vida saudável e sutentável

O movimento que fazemos ao pedalar uma bicicleta gera muita energia e sua utilização em diversos ambientes e situações pode reduzir o consumo de energia elétrica. Seria tão bacana se toda bicicleta ergométrica viesse com um gerador de energia acoplado. O quanto de energia criaríamos? As academias seriam capazes de auto sustentarem-se  no que diz respeito a energia elétrica? Isso eu não sei dizer, mas que vale a pena experimentar, isso vale.

Essas soluções criativas para um estilo de vida mais sustentável sempre me cativa. E no caso desse cinema do Líbano, em especial, outro fator agregado à proposta faz meu apreço por ele aumentar ainda mais:

quem se dispuser a pedalar pode assistir ao filme de graça.

Muito bacana mesmo essa ideia. E a adoção dela é ainda mais simples. Basta boa vontade. Claro que a corrida capitalista pelo lucro desenfreado é um impedimento e tanto, mas ainda acho que é possível lucrar com um empreendimento assim.

Fica a dica para todos os donos de cinema desse Brasil e até mesmo para os donos de academias e de diversos estabelecimentos. Afinal de contas essa forma de gerar energia colabora para um planeta mais saudável e para uma vida mais saudável.

Posted by

V Fantaspoa

Já está rolando em Porto Alegre um dos melhores eventos da cidade, o Fantaspoa. O Festival de Cinema dedicado ao gênero fantástico já está na quinta edição e já é sinônimo de casa cheia.

Neste ano as exibições ocorrem em quatro cinemas da capital gaúcha: o Cine Santander Cultural, Cine Bancários, Sala Norberto Lubisco – CCMQ e Sala P. F. Gastal na Usina do Gasômetro. E o valor do ingresso é quase simbólico: R$ 4 reais para todas as sessões em todas as salas (no final de semana de abertura – 04 e 05 de julho – os programas de curtas  no Cine Santander tiveram entrada gratuita).

O Fantaspoa começou sexta-feira passada (03 de julho) e termina só lá no dia 19 de julho, portanto não tem desculpa para não ver pelo menos um filmezinho que seja. A programação completa pode ser conferida na página do evento. Além disso é possível acompanhar a cobertura pelo blog do Fantaspoa.

Eu já selecionei alguns filmes que gostaria de ver. Só falta conseguir uma brecha na agenda, pois os filmes passam sempre nos mesmo horários em todas as salas: 15horas, 17 horas e 19 horas. E em todos esses horários eu estou presa no Museu. Mas nada impede que eu consiga uma folguinha.

Posted by

Blog Retrospectiva 2008

Em outro desafio lançado no blosque fui convocada a fazer a retrospectiva 2008 aqui do blog. E curiosamente essa já era minha intenção desde muito tempo. O bom do desafio foi dar as bases para tal retrospectiva. A seguir, então, escolhi um post de cada mês de 2008 para recordar.

Janeiro:

Permacultura – um texto introdutório à prática da permacultura, em tempos de aquecimento global é muito importante pensar em alternativas naturais e saudáveis para cuidar de si e do planeta.

Fevereiro:

Visita de Peso – neste texto eu mesclei um pouco de experiência pessoal (ter conhecido o Lucio) com uma dica de documentário (Lucio, de 2007). Um pouco da história de vida desse senhor que pode passar despercebido pelas ruas hoje em dia, mas que durante muitos anos teve uma militância política muito forte na Europa.

Março:

A última esperança sobre a Terra – depois de ter lido o livro homônimo resolvi escrever sobre minhas impressões acerca da obra, e não pude deixar de estabelecer relação com suas versões cinematográficas. Vale também como dica de livro e cinema.

Abril:

Um pouco sobre a História do Cinema de Animação nas terras Tupiniquins – o próprio título já esclarece o assunto. Uma pequena introdução ao assunto, é claro. Acho que o texto vale a pena para quem tem curiosidade e gosta de animação, e também para descobrir alguns títulos emblemáticos da animação brasileira.

Maio:

O Maio de 1968 – este ano foi comemorado em todo o mundo os 40 anos dos eventos que ocorreram na França e em muitos outros lugares do mundo (inclusive no Brasil) em maio de 1968. Neste post eu tento fazer o exercício de recordar esses acontecimentos e opinar sobre alguns pontos divergentes.

Junho:

MyMoleskine – quem ainda não conhece o tal do moleskine pode ter uma idéia, e quem já conhece pode ver alguns dos desenhos que eu fiz no meu 1º moleskine através do vídeo que eu postei.

Julho:

1984 de George Orwell – alguns comentários sobre as duas vezes que li o livro. E também sobre a relação que tenho com ele. Vale como dica de leitura e de cinema.

Agosto:

De onde surgiu o Romance Policial? – um texto com intenção de introduzir o leitor leigo no assunto e incitar curiosidade. Mas é também uma síntese que serve para consulta para quem já é entendido.

Setembro:

Viagem no tempo – um texto que explora de forma bem básica algumas das teorias da viagem no tempo exploradas na ficção científica.

Outubro:

O Maravilhoso Mundo das Séries – alguns dos meus personagens favoritos das séries que tenho visto. E eu gostaria de saber quais são os teus.

Novembro:

Peanuts, como eu gosto. - Algumas das minhas apreciações sobre essa turma maravilhosa que encanta crianças e adultos desde os anos 50.

Dezembro:

5 coisas que aprendi sobre blogs em 2008 – para compartilhar meu aprendizado, e desejo que compartilhe o seu.

Agora que eu já listei um post publicado para cada mês do ano dou por encerrada essa retrospectiva, mas não deixe de navegar nos textos relacionados, deixar sua opinião sobre os textos e experimentar fazer uma retrospectiva própria.

Posted by