Blog Retrospectiva 2009

Ano passado participei do Desafio 21 Dias, proposto pelo Blosque. Uma das propostas do Desafio foi fazer uma retrospectiva do blog. Gostei muito da idéia, que já estava na cabeça há tempos, que resolvi fazer a edição 2009.

Então, para cada mês do ano eu escolhi um texto para recordar. Já no clima de final de ano, saudosismos mil.

Retrospectiva 2009
Retrospectiva 2009

Janeiro

O que levar em uma viagem? – Este artigo permaneceu durante o ano todo entre os dez mais visitados do blog, acho que isso quer dizer alguma coisa. Um texto sobre as dúvidas comuns de um viajante amador (quem se enquadra na categoria levanta a mão o/ ) precisa arrumar a mala. Mas não são apenas os marinehiros de primeira viagem que têm dúvidas, não. Confira o post e descubra dicas valiosas.

Fevereiro

Trilha Sonora partes 1, 2, 3 e 4 – Quebrei minha própria regra já no segundo mês. Escolhi quatro posts para Fevereiro, mas por um bom motivo. Eles fazem parte de um post em etapas. Me saí bem… Listei algumas das minhas trilhas sonoras preferidas.

Março

O Guia do Mochileiro das Galáxias, na TV – Nerd que é Nerd já ouviu falar de Douglas Adams. Eu li os dois primeiros livros da série no início de 2009 (foi presente de Natal do Juliano) e parti para as descobertas em torno da saga. Acabei topando com a série de TV feita na década de 1980 para a televisão inglesa. Imperdível!

Read More

Top 5 – Episódios de Comédia e Drama: Temporada 2008/2009

Desde março deste ano o trecos&trapos faz parte da Sociedade dos Blogs de Séries. Este não é um blog de nicho, as séries de televisão não são a pauta principal do blog, até porque eu falo sobre muita coisa. Como falo sobre tudo aquilo que gosto, as séries estão presentes, e muito.

Buenas, para participar da sociedade eu preciso realizar o Ranking Mensal dos episódios. E acima de tudo participar da votação do Jerry (um prêmio que elege os melhores em diversas categorias). E antes da votação eu preciso eleger os melhores episódios da temporada nas categorias drama e comédia (segundo minha opinião, é claro). Então aí está minha lista: Read More

De como me apaixonei por The Middleman

Um tempo atrás o Juliano comentou comigo sobre uma série que eu provavelmente gostaria. Eu que não nego ficar em frente ao PC vendo séries com ele, aceitei o desafio. Então fui apresentada à The Middleman.

E não é que ele estava mais do que certo?!

A série pode ser chamada de a melhor comédia nerd sem nenhum tipo de preocupação. Desculpa aí quem gosta de The Big Bang Theory (que é maravilhosa), mas eu gosto mais de The Middleman. Ok, eu reconsidero, ambas empatam no quesito. Mas é a melhor série que você não está assistindo!

Um homem charmoso, com um visual saído diretamente dos galãs da magnífica década de 1950 e todo certinho é o Middleman, encarregado de salvar o mundo de todos os perigos terrestres, extra-terrestres e intra-terrestres. Ah, e os inexplicáveis também. Ele recruta uma assistente, Wendy Watson para treiná-la e quem sabe um dia substituí-lo.

Através de Wendy descobrimos algumas coisas sobre a organização em que trabalham. Eles não sabem o nome e muito menos quem os coordena., mas a vida de Wendy muda completamente ao aceitar o “emprego” de salvar o mundo. Ela é uma artista e vive com sua amiga fotogênica, Lacey Thornfield (artista performática) e acaba tendo alguns cômicos enfrentamentos com Ida, um robô que cuida de todos os gadgets e de todos os Middlemans desde que a organização existe.

Recheada de referências, a dupla enfrenta desde zumbis a vampiros fantoches, se deparam com um universo paralelo e fazem referência às histórias em quadrinhos. E por falar em HQ, a estética que a série propõe é justamente a dos quadrinhos, tão cultuados por muitos.

E elegi a personagem preferida logo no início. Me identifiquei muito com Wendy Watson, e a citação a seguir define exatamente o porquê!

The Middleman: The way the story’s unfolding… rural setting… civilian unexpectedly turns into a ravenous flesh-eater… My guess is we are dealing with the seminal stage of a zombie outbreak.

Wendy Watson: Entree-ripping, brain chewing zombies?

The Middleman: The very same.

Wendy Watson: Cool!

The Middleman: Dubby, there is nothing “cool” about zombies.